6 mil cestas básicas são distribuídas a famílias indígenas da Paraíba

0
305

A Fundação Nacional do Índio (Funai), numa parceria com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) e a Fundação Cultural Palmares (FCP), iniciou, nesta semana, a entrega de mais de 6 mil cestas básicas adquiridas pela Conab a comunidades indígenas no estado da Paraíba.

Esta é a primeira etapa de doações das cestas da Conab, que foram obtidas com recursos do MMFDH. Serão entregues 3,1 mil cestas a 38 comunidades indígenas das etnias Potiguara, Tabajara e Warao nesta semana. Mais 3,1 mil cestas serão doadas na segunda etapa, prevista para ser realizada ainda na primeira semana de junho.

A distribuição feita pela Conab e Funai com apoio das prefeituras municipais, vai levar 71,9 toneladas de alimentos aos municípios de Baía da Traição, Marcação, Rio Tinto, Conde e João Pessoa. As ações fazem parte das políticas de proteção a comunidades indígenas e povos tradicionais em meio à pandemia do novo coronavírus (covid-19).

A ministra Damares Alves lembrou que a parceria reforça o esforço do Governo Federal em cuidar de todos. “O nosso compromisso é não deixar ninguém para trás. Estamos cumprindo o que mandou o nosso presidente e vamos continuar trabalhando”, disse.

A titular da Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SNPPIR), Sandra Terena, destacou a assistência às comunidades. “Essa rápida ação mostra o comprometimento deste governo em priorizar a atenção à segurança alimentar dos nossos indígenas. A entrega das cestas de alimentos é um grande projeto para a manutenção da segurança alimentar dos indígenas e quilombolas”, destacou.

Essas medidas de proteção direcionadas aos povos e comunidades tradicionais fazem parte do Plano de Contingência do Governo Federal. O documento prevê, até junho de 2020, a destinação de R$ 4,7 bilhões para ações durante a pandemia.

Assessoria de Comunicação / Funai
Com informações do MMFDH

Via: PB Vale

DEIXE UMA RESPOSTA

Comenta ai
Seu nome aqui