Cachaça agora é sinônimo de Status

0
201
Bebida dos deuses e dos imortais.
Anúncio

Genuinamente brasileira, por muitos odiados e por outros apreciados, a nossa cachaça ou “pinga” como é conhecida em grande parte do Brasil, está se tornando a queridinha dos bons apreciadores de destilados e conquistando os mercados nacional e internacional.   

Certamente não estamos falando do velho produto vendido em bares a preços populares, a cachaça neste caso é refinada, de qualidade, elaborada, destilada em alambiques  e sobretudo envelhecida em barricas de vários tipo de madeira e é ali onde se faz a diferença. Para se ter uma idéia mais clara, a cachaça vem destilada em um ambiente muito fresco para que o seu aroma permaneça original. São tantas as tipologias de cachaça: da destilada a açucarada  finalizando com a tão apreciada envelhecida. Esta última se presume uma maturação em barrica por um período não inferior a um ano, para obter um destilado de qualidade premium o envelhecimento é de um a três anos, e finalmente a Top das cachaças ou extra premium vai de 3 anos adiante.

Para ser um bom entendedor do assunto ou esperto, se deve ter conhecimentos da história da cachaça, o mercado e produção, análise sensorial, avaliação sensorial e degustação, saber harmonizar com menu e etc. Com intuito de informar e formar novos apreciadores dessa bebida dos deuses, a Associação dos Produtores de Cachaça de Areia – APCA, com o apoio do Sebrae, oferecerá o curso “Percurso Multissensorial da Cachaça” nos dias 17 e 18 de setembro no Hotel Fazenda Triunfo, no município de Areia, destinado a produtores, apreciadores, estudantes e pesquisadores da área, baristas, garçons e demais interessados nos conhecimentos sobre a autêntica bebida brasileira.

O curso será ministrado por duas feras na cultura da cachaça: Maurício Maia, publicitário, chefe de cozinha e cachacier, atual presidente da Cúpula da Cachaça, é especializado em bebidas destiladas pelo WSET (Wine and SpiritsEducation Trust) de Londres e autor do blog O cachacier; do caderno Paladar, do jornal O Estado de São Paulo e membro da Cúpula da Cachaça e do GEDEC(Grupo de Estudos e Degustação de Cachaças), onde estruturou o 1º Curso de Formação em Cachaça do país. Apreciador, pesquisador e professor na área da cachaça há mais de 20 anos, é um dos principais professores do país e um dos mais requisitados palestrantes do setor. Isadora Bello Fornari é uma apaixonada pelos sabores do Brasil, paulistana que tem a cachaça como veículo para apresentar as riquezas de seu país. Sempre interessada em novas experiências busca aprender cada vez com os melhores profissionais, como Ludmila Soeiro, Alex Mesquita e fundou com Jean Ponce, ex-D.O.M., a Rosário, empresa de consultoria especializada em serviço de bebidas. Pós-graduada em Marketing pela ESPM e formada pela ESALQ-USP em Tecnologia da Cachaça e Análise Sensorial, desenvolve consultoria especializada, cartas de cachaças, workshops, eventos e harmonizações, apresentando a cachaça e história aos consumidores em linguagem acessível e democrática. Busca se envolver e colaborar com as mais diversas manifestações sensoriais do Brasil.

Da correta forma de servir, do copo a ser utilizado, da temperatura adequada até a história da marca, tudo serve para encantar e enriquecer a experiência do apreciador. E lembre-se “uma boa cachaça não te deixa bêbado, te faz sonhar”.

Para inscrições e maiores informações pelo telefone (83) 99931-9862 e (83)9 9622-m4770 ou através do e-mail thbaracho@hotmail.com.

Anúncio

DEIXE UMA RESPOSTA

Comenta ai
Seu nome aqui