Agentes flagram balas ‘recheadas’ com maconha em centro de detenção de Taiúva, SP

0
217

Familiares enviaram correspondência com droga escondida nos doces, mas material foi localizado durante revista. Responsáveis foram removidos na lista de visitantes.

Anúncio

Por G1 Ribeirão e Franca

Familiares tentam enviar droga escondida dentro de balas em CDP de Taiuva (Foto: Divulgação / SAP)

Agentes penitenciários apreenderam um pacote de balas recheadas com maconha, enviado por familiares a presos do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Taiúva (SP). O material foi enviado por correspondência e acabou flagrado na revista da equipe de segurança da unidade.

De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), as correspondências com a droga escondida nos doces foi enviado na quinta (16) e sexta-feira (17) passada. A pasta informou, ainda, que os familiares responsáveis pelo envio foram retirados da lista de visitantes autorizados.

Segundo a própria SAP, esse tipo de tentativa de enviar droga com “técnicas surpreendentes para burlar o sistema” tem sido cada vez mais frequente, mas, segundo a secretaria, sem sucesso.

Anúncio

DEIXE UMA RESPOSTA

Comenta ai
Seu nome aqui